Tranduza (Translate)

Mostrando postagens com marcador Esofagite. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Esofagite. Mostrar todas as postagens

sábado, 13 de junho de 2015

Vídeo: Cure Esofagite, Refluxo de Ácido, Azia, H. Pylori, Úlcera e Gastrite Naturalmente

Atualizado em 09/05/2017.

Quando você come e sente dor de estômago, o problema é falta de acidez no mesmo e isto ocorre na maioria dos casos. Mas quando sente dor de estômago em jejum, come algo e a dor melhora, o problema é de excesso de acidez. As dicas abaixo se aplicam se o seu problema for falta de acidez.

A prescrição de medicamentos antiácidos está batendo recordes, com 57 milhões de prescrições no Reino Unido no ano passado. Uma em cada cinco pessoas tem problemas digestivos. Os inibidores da bomba de prótons são os mais comumente prescritos (PPI drogas geralmente acabam em 'azol'), que bloqueiam a produção de ácido do estômago. Enquanto estes medicamentos podem proporcionar um alívio para aqueles com indigestão ácida e azia, eles vêm com efeitos colaterais terríveis de curto e longo prazo. Muitas pessoas se sentem mal com esses medicamentos, mas o risco real é de longo prazo. Sem acidez suficiente no estômago, você não pode absorver a vitamina B12 suficientemente, e sem a B12, o risco de demência aumenta exponencialmente.

 

Em vez disso, os médicos devem prescrever enzimas digestivas (como esta que também contém cloridrato de betaína) para pessoas com problemas digestivos. É um primeiro passo óbvio e ele funciona. Em um estudo, pessoas que tomaram enzimas digestivas, reduziram seus sintomas de indigestão em 90% em comparação com os placebos dados, que diminuíram sua taxa de indigestão em 22%.
 

Outro tratamento eficaz são os probióticos. Suplementar com duas cepas de bactérias benéficas, Lactobacillus acidophilus e bifidobactérias, tem efeitos muito positivos na digestão. Elas foram demonstradas ajudar na prisão de ventre, diarreia e na síndrome do intestino irritável, reduzindo a distensão abdominal. Alguns suplementos combinam enzimas digestivas com bactérias benéficas. O consumo regular de kefir é ainda melhor (saiba mais sobre o kefir e como conseguir uma doação dele aqui).
 

 No entanto, mesmo estes não irão funcionar 100%, se você continuar a comer alimentos aos quais for intolerante. Muitas pessoas não sabem que são intolerantes à alimentos como trigo, leite, açúcar refinado e fermento frequentemente ingeridos. Estes provocam uma reação inflamatória no estômago que pode levar à indigestão e azia. Em um estudo de cinco mil pessoas que fizeram um teste de intolerância alimentar no yorktest.com e evitaram os alimentos suspeitos, 80 por cento notaram uma melhoria definitiva em seus sintomas digestivos.
 

A combinação de uma dieta livre de alimentos que provocam intolerância com os suplementos de suporte digestivos certos, é no mínimo, tão eficaz quanto medicamentos, mas sem os efeitos colaterais.

Em um vídeo do Dr. Lair Ribeiro, ele recomendava para refluxo, cuja uma das causas é a acloridria (
nenhuma produção de ácido estomacal ou clorídrico, HCl), tomar cloridrato de betaína (Betaína HCL) 2 vezes ao dia da seguinte maneira: "começar a comer o almoço, parar e tomar o cloridrato de betaína e continuar a comer e, no jantar, proceder da mesma forma". Você pode mandar manipular em farmácias (de manipulação), mas algumas exigem receita médica. Encontrei esta que pode ser adquirida sem receita em site internacional que contém 648 mg de cloridrato de betaína e 150 mg de pepsina. Pode-se tomar 1 cápsula durante almoço e a outra durante o jantar. Este suplemento irá durar 2 meses e custa US$ 12.73 (dólares). Com o link acima, em sua primeira compra, terá um desconto de 10%, entretanto a primeira compra na Iherb.com pode ser meio complicada, pois temos que confirmá-la. Segue um post que explica melhor como fazer sua primeira compra neste site aqui



Dr. Lair também disse que a Aloe Vera (ou Babosa) concentrada pode ser tomada em jejum: 1 colher de sopa.

Para aprender uma receita de suco verde, o Lemon Ginger Blast, clique aqui e uma receita de probiótico fácil, clique aqui.


A ingestão de uma fatia de abacaxi e/ou de mamão meia hora antes das refeições, também ajuda em muitos casos de indigestão e azia, pois contêm respectivamente, as enzimas digestivas bromelina e papaína. 


OBS: Compre o bicarbonato de sódio P.A. (apresenta maior grau de pureza, próximo a 100%) ou o de 99% de pureza em farmácias comuns ou de manipulação, mas evite seu uso, pois alcalinizará o pH do estômago e agravará o problema a longo prazo.

Fontes:

https://youtu.be/hrxvHf-pHuQ


https://www.patrickholford.com/advice/nutrients-that-work-better-than-drugs?utm_medium=email&utm_source=transactional&utm_campaign=PH+Nutrients+Better+1.a+09.06.2015